EDUCAÇÃO INFANTIL: O CONSENSUAL NAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE PAIS E MÃES DE CRIANÇAS

Autores

  • Laeda Bezerra Machado UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
  • Luciana Oliveira Freitas Monteiro UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

DOI:

https://doi.org/10.18593/r.v41i2.9442

Resumo

Resumo: O artigo identifica o consenso das representações sociais de Educação Infantil entre pais e mães de crianças matriculadas nessa etapa da educação. Adotou-se a Teoria das Representações Sociais, particularmente, a abordagem societal, de W. Doise. Participaram da pesquisa 108 sujeitos. Para coletar dados utilizou-se um questionário com escala. Na análise do material foram consideradas as frequências das escolhas por item. O campo comum das representações sociais dos participantes ancorou-se em aspectos acadêmicos, normativos e atualizados sobre Educação Infantil, representada como espaço de desenvolvimento e aprendizagem da criança. Infere-se que esse consenso decorre do acesso a diferentes formas de comunicação a que estão expostas essas famílias.  

Palavras-chave: Educação Infantil. Representações Sociais. Famílias. Consenso.

EARLY CHILDHOOD EDUCATION: THE CONSENSUS ON SOCIAL REPRESENTATIONS OF PARENTS AND CHILDREN OF MOTHERS

Abstract: The article identifies the consensus of the social representations of early childhood education between fathers and mothers of children enrolled in this educational stage. He adopted the theory of social representations, particularly the societal approach of W. Doise. The participants were 108 subjects. To collect data we used a questionnaire with scale. In the material analysis we considered the frequency of choices per item. The common ground of social representations of the participants was anchored in academic aspects, regulatory and updated on Early Childhood Education, represented as a child's development and learning space. It is inferred that this consensus arises from access to different forms of communication they are exposed to these families.

Keywords: Early Childhood Education. Social representations. Families. Consensus.

EDUCACIÓN INFANTIL: EL CONSENSO EN REPRESENTACIÓN SOCIAL DE PADRES Y MADRES DE NIÑOS


Resumen: El artículo identifica el consenso de las representaciones sociales de la educación infantil entre los padres de los niños inscritos en esta etapa educativa. Adoptó la teoría de las representaciones sociales, en particular el enfoque social de W. Doise. Los participantes fueron 108 sujetos. Para recoger los datos se utilizó un cuestionario con escala. En el análisis de materiales que consideramos la frecuencia de las elecciones por artículo. La base común de las representaciones sociales de los participantes estaba anclado en aspectos académicos, reguladores y actualizados sobre la Educación de la Primera Infancia, representado como el desarrollo de un niño y el espacio de aprendizaje. Se infiere que este consenso surge de acceso a las diferentes formas de comunicación que están expuestos a estas familias.
Palabras clave: Educación infantil. Representaciones sociales. Familias. Consenso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Laeda Bezerra Machado, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Doutora em Educação, professora vinculada ao Departamento de Administração Escolar e Planejamento  Educacional e Programa de Pós-graduação em Educação Núcleo de Formação de Professores e Prática Pedagógica da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Recife, Pernambuco, Brasil. Bolsista do CNPq.  E-mail: laeda01@gmail.com

Luciana Oliveira Freitas Monteiro, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Mestre em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco. 

Professora de Educação Infantil - do Centro Educacional Carochinha

Downloads

Publicado

14-07-2016

Como Citar

MACHADO, L. B.; FREITAS MONTEIRO, L. O. EDUCAÇÃO INFANTIL: O CONSENSUAL NAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE PAIS E MÃES DE CRIANÇAS. Roteiro, [S. l.], v. 41, n. 2, p. 337–354, 2016. DOI: 10.18593/r.v41i2.9442. Disponível em: https://periodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/9442. Acesso em: 18 maio. 2024.