AS MUDANÇAS NO FINANCIAMENTO DO ENSINO FUNDAMENTAL PÚBLICO COM O FUNDEF E A DINÂMICA DE SEUS RECURSOS FISCAIS

Autores

  • Fábio Luciano Oliveira Costa Universidade de São Paulo
  • Janaína Specht da Silva Menezes

Resumo

O objetivo principal deste artigo foi investigar as transformações ocorridas no financiamento do ensino fundamental público, por meio da implantação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), evidenciadas na dinâmica de seus recursos fiscais. Assim, fez-se uma exposição do processo de regulamentação do Fundo, que contou com a pesquisa em documentos legais, livros, teses, dissertações e artigos publicados em periódicos especializados, além dos dados quantitativos coletados na Secretaria do Tesouro Nacional (STN), que mostraram o ICMS como a principal fonte de financiamento do Fundo. Mesmo com os aspectos positivos advindos com o Fundef – o que não exclui suas problemáticas no período em que esteve em vigência, a exemplo do descumprimento legal associado à complementação da União –, não foi possível associá-lo à perspectiva de qualidade educacional.

Palavras-chave: Educação. Financiamento. Fundef.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

18-04-2014

Como Citar

OLIVEIRA COSTA, F. L.; SPECHT DA SILVA MENEZES, J. AS MUDANÇAS NO FINANCIAMENTO DO ENSINO FUNDAMENTAL PÚBLICO COM O FUNDEF E A DINÂMICA DE SEUS RECURSOS FISCAIS. Roteiro, [S. l.], v. 39, n. 1, p. 61–86, 2014. Disponível em: https://periodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/4026. Acesso em: 1 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos