INSTITUCIONALIZAÇÃO DE SISTEMAS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES E COMPLEXIDADE

Autores

  • Rosilene Lagares UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

DOI:

https://doi.org/10.18593/r.v40i1.4268

Resumo

Este trabalho discute concepções e aspectos da complexidade histórica quanto à gestão da educação municipal brasileira, abordando o processo de institucionalização efetiva de sistemas municipais de educação. Com base em pesquisa bibliográfica e análise documental, são destacadas condições e desafios, fragilidades e potencialidades que permeiam a existência dos municípios e sua atuação na educação. Sua relevância está, então, em discutir processos, políticas e ações para que essas esferas participem do processo da garantia do direito à educação. Nesse contexto, a institucionalização de sistemas municipais passa a ser questão relacionada ao pacto federativo e ao regime de colaboração, extrapolando a política ou programas de municipalização, visando firmar a autonomia na gestão.

Palavras-chave: Sistemas de educação. Institucionalização efetiva de Sistemas Municipais de Educação. Política educacional. Gestão da educação. Educação municipal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosilene Lagares, UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

UFT/CAMPUS DE PALMAS/PPPGE MESTRADO/CURSO DE PEDAGOGIA

Downloads

Publicado

01-06-2015

Como Citar

LAGARES, R. INSTITUCIONALIZAÇÃO DE SISTEMAS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES E COMPLEXIDADE. Roteiro, [S. l.], v. 40, n. 1, p. 127–148, 2015. DOI: 10.18593/r.v40i1.4268. Disponível em: https://periodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/4268. Acesso em: 7 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos