MANUAIS DIDÁTICOS COMO PATRIMÔNIO HISTÓRICO-EDUCATIVO: ARTEFATOS DA CULTURA MATERIAL ESCOLAR

Autores

  • Maristela da Rosa Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
  • Gladys Mary Ghizoni Teive

DOI:

https://doi.org/10.18593/r.v41i2.9859

Resumo

Resumo: Neste artigo objetivou-se cogitar o potencial do estudo histórico da cultura material escolar. Entre os artefatos escolares, tomaram-se os manuais didáticos – objetos indiciários que materializam concepções pedagógicas, saberes e práticas – como exemplares de uma cultura escolar. Na primeira parte aborda-se a cultura material escolar como um conjunto de documentos/fontes que contribuem para o desnudamento da “caixa preta” da escola e a necessidade de salvaguardá-los como exemplares do patrimônio histórico-educativo; na segunda parte tratam-se dos manuais didáticos como objetos-huella que, entrecruzados com outras fontes, podem trazer indícios sobre o funcionamento interno da escola. Por fim, apresentam-se dois manuais didáticos e as alternativas de pesquisa histórica que deles advêm.

Palavras-chave: História da educação. Manuais didáticos. Patrimônio histórico-educativo. Cultura material escolar.

DIDACTIC MANUALS AS HISTORICAL-EDUCATIONAL PATRIMONY: SCHOOL MATERIAL CULTURE ARTEFACTS

Abstract: In this article one aimed to discuss the potential of historical studies of school material culture. Among the school artefacts, the didactic manuals – evidentiary objects that matter pedagogical conceptions, knowledge and practices – were taken as models of a school culture. In the first part of this article it is discussed the school material culture as a group of documents/sources that contributes to show the school’s “black box” and the need of keeping it safe as a model of the historical-educational patrimony. The second part deals with the didactic manuals as huella-objects that, intercrossed with other sources, can provide clues about the school’s inner workings. Finally, two didactic manuals and their historical research options are shown.

Keywords: Education history. Didactic manuals. Historical-educational patrimony. School material culture.

MANUALES DIDÁCTICOS COMO PATRIMONIO HISTÓRICO-EDUCATIVO: ARTEFACTOS DE LA CULTURA MATERIAL ESCOLAR

Resumen: El artículo pretende contemplar el potencial del estudio histórico de la cultura material de la escuela. Entre los artefactos escolares, se toman los manuales didácticos -objetos indiciarios que materializan concepciones pedagógicas, saberes y prácticas - como ejemplares de una cultura escolar. La primera parte abarca la cultura material escolar como un conjunto de documentos/fuentes que contribuyen para desnudar la “caja negra” de la escuela, y la necesidad de salvaguardarla como ejemplar del patrimonio histórico y educativo; la segunda parte se ocupa de los manuales didácticos como objetos-huella que, entrelazados con otras fuentes, pueden proporcionar pistas sobre el funcionamiento interno de la escuela. Por último, se presentan dos manuales didácticos y las alternativas de investigación histórica que vienen de ellos.

Palabras clave: Historia de la educación. Manuales didácticos. Patrimonio histórico-educativo. Cultura material escolar.

                        

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maristela da Rosa, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Doutoranda no Programa de Pós Graduação Doutorado em Educação na Linha de História e Historiografia da Educação na Universidade do Estado de Santa Catarina, sob a orientação da professora Gladys Mary Ghizoni Teive. Licenciada em Pedagogia - Habilitação Orientação Educacional pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2015). Mestra em Educação pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2013). Licenciada em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Santa Catarina (2002). Desenvolve pesquisa acerca das seguintes temáticas: intelectuais católicos, Everardo Adolpho Backheuser, manuais didáticos, Escola Nova e currículo.

Gladys Mary Ghizoni Teive

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), mestra em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), doutora em Educação pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com estágio de doutoramento em sandwich na área de Currículo Escolar, na Universidad Nacional de Educación a Distancia, em Madri, na Espanha. É professora associada do Departamento de Pedagogia e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado de Santa Catarina, na linha de História e Historiografia da Educação. Coordena os projetos de pesquisa: Grupos Escolares: entre a pedagogia moderna e a escola nova (1846-1971)? e Recepción y apropriación de la escuela nueva en manuales escolares brasileiros e españois - una investigación historico-comparactiva? (1930 - 1960), fruto do Acuerdo de Cooperación entre el Centro de Investigacion MANES de la UNED (España) y la UDESC , e participa do projeto de âmbito nacional: História da Escola Primária no Brasil: investigação em perspectiva comparada em âmbito nacional (1930 1961)?, coordenado pela Professora Rosa Fátima de Souza, da UNESP. Atua no Grupo de Pesquisa: Sociedade, Memória e Educação; da FAED/UDESC. Faz parte da Sociedad Española de Historia de la Educación (SEHE) e da diretoria da Sociedade Brasileira de História da Educação - SBHE (Biênio 2013-2015). É membro da Associação Nacional de Pós Graduação em Educação - ANPEd e do Reading Primers Special Interest Group (RP-SIG) of the International Society for Historical and Systematic Research on Schoolbooks. É pesquisadora associada do Centro de Investigación MANES, da UNED, Madri, onde realizou (2013) estágio pós doutoral, com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Principais áreas de atuação: currículo, cultura escolar, manuais escolares, formação de professores, educação comparada e transnacional.

Downloads

Publicado

14-07-2016

Como Citar

ROSA, M. da; TEIVE, G. M. G. MANUAIS DIDÁTICOS COMO PATRIMÔNIO HISTÓRICO-EDUCATIVO: ARTEFATOS DA CULTURA MATERIAL ESCOLAR. Roteiro, [S. l.], v. 41, n. 2, p. 407–430, 2016. DOI: 10.18593/r.v41i2.9859. Disponível em: https://periodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/9859. Acesso em: 28 maio. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)